quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

protesto!

Protesto
Contra o ato de parir!
Disse parir, e não gerar!
Parir é fácil!
Quero ver cuidar!
Facil demias ter 3 ou 4 filhos
e escolher o mais bonito
com dentes mais brancos
com o peso ideal!
Quero ver ter orgulho de filho gordo
filho doente
filho louco!
Facil
dizer
te amo
quero ver provar!
facil dizer
me ligue
quero ver ligar!

sábado, 8 de janeiro de 2011

INCRI´VEL A CAPACIDADE QUE TEMOS DE FAZER PROMESSAS DE ANO NOVO
E QUEBRA-LAS UMA A UMA ALGUNS DIAS DEPOIS!
DEVERIA TER UM MANUAL DE SOBREVIVENCIA PARA PESSOAS IDIOTAS COMO EU!
PAPAI JA DIZIA " FILHA/ TU VAI QUEBRAR A CARA!"
POIS É PAPAI!
EU QUEBREI!
A CARA!
O CORAÇÃO!
& TUDO O QUE TIVER VIVO AINDA EM MIM ACABA DE FALECER!


FELIZ ANO NOVO
"STUPID GIRL"!

domingo, 5 de dezembro de 2010

dor alheia

Outro dia  fui tocada por uma cena estranha...
Sábado, dia de movimento intenso na cidade.
Pessoas "radiantes e felizes" e essas coisas babacas que essa época traz.
Mas então, voltando ao assunto...
Padaria lotada, vi uma família, ou parte deja, que me despertou o interesse, não porque eu estivesse afim de algum dos garotos, nada disso!
Foi uma situação muito chata mesmo na verdade.
Enquanto a mãe e um dos irmãos comia seu lanche e sorria, o outro não parava de soluçar!
Se fossem crianças eu teria entendido, eu acho.
Mas era um rapaz!
Parecia tão imensamente infeliz!
Tão exposto em sua dor!
Eu não consegui comer.
Não consegui deixar de olhar para ele.
Eu sempre me pus no lugar do outro.
Sempre sofri dor alheia.
E aquele garoto me incomodou profundamente!
Me fez repensar o rumo da minha vida.
Me relembrou o dia do acidente (fatal) do meu pai, quando foram me buscar no serviço, e no caminho todo eu não conseguia deixar de pensar porque todo mundo ainda tava se divertindo enquanto uma parte de mim morria...
Eu pensei em todas as coisas ruins que tem me acontecido nestes últimos dias...
Quase chorei também...
Sou assim mesmo.
Para uma lágrima cair como aquela caía!
Triste demais!
E a família lá... comendo, bebendo...